12 agosto 2008

X CONGRESSO LUSO-AFRO-BRASILEIRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS!

SOCIEDADES DESIGUAIS E PARADIGMAS EM CONFRONTO

De 4 a 7 de fevereiro de 2009
Universidade do Minho
Campus Gualtar
Braga

Tendo como pano de fundo a diversidade e a complexidade de realidades sociais em sociedades geográfica, histórica e sociologicamente diferenciadas como as lusófonas – e desiguais entre si e no seu próprio seio a nível territorial, económico, político e cultural –, o desafio que se coloca aos participantes neste X Congresso Luso-Afro-Brasileiro de Ciências Sociais será o de, com base em resultados de estudos empíricos e reflexões teóricas, nos mais diversos espaços e modalidades, contribuir para problematizar, analisar e aprofundar o conhecimento dessas realidades na actual época de globalização, confrontar as diversas mundividências e paradigmas teóricos em presença.

Para permitir a máxima participação de Congressistas, o Congresso foi adiado para 4 a 7 de Fevereiro de 2009 por razões imperativas:

i) o Congresso organizado pelo Conselho para o Desenvolvimento da Pesquisa em Ciências Sociais na Àfrica (CODESRIA), a realizar-se nos Camarões de 7 a 11 de Dezembro;

ii) alteração/dilatação do período escolar (avaliação de final de ano lectivo) sobretudo nos PALOP.

A Comissão Organizadora

PORTAL NA INTERNET: http://www.xconglab.ics.uminho.pt/

PROPOSTAS ENVIADAS PELO GRUPO DE ESTUDOS CULTURAIS

X CONGRESSO LUSO-AFRO-BRASILEIRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS.
Universidade do Minho. Campus Gualtar.
BRAGA


1. GT - Patrimónios, Museus, Memória e Cidadania”
Proposta de Trabalho – Artigo:

MUSEU DAS CRIANÇAS: uma experiência dialógica entre cultura e subjetividade na casa de ser criança em São Luís do Maranhão/Brasil.
Autores: Adriana Cajado Costa & Alexandre Fernandes Corrêa

Resumo

Este artigo é fruto de experiências em ações culturais desenvolvidas no Projeto de Ação Cultural “Teatro das Memórias Sociais: entre o passado e o futuro”, realizado desde o ano de 2004. A partir desse trabalho de investigação sobre novas práticas museológicas e de reflexões sobre o mundo psíco-cultural infantil, destacaremos alguns aspectos que parecem relevantes para que se possa levar a frente um processo de transmissão das heranças sociais em que a criança seja convidada a ser introduzida no mundo cultural, aprendendo de forma participativa, criativa e imaginativa. Inicialmente nossos trabalhos foram promovidos de acordo com os métodos da ‘História das Cidades e dos Sítios Históricos’, na linha inglesa do “living history”. Após uma leitura mais crítica desses procedimentos, desenvolveram-se técnicas em que a forma criativa e alegre de ensinar pudesse ser aplicada de forma mais ativa e superando “o falso amor ao passado” próprio da civilização urbana moderna. Em resumo trata-se de reflexões sobre novas práticas culturais e museológicas sobre a infância na sociedade contemporânea.

Palavras-Chave: Museu – Subjetividade – Memória – Herança Cultural

2. SESSÃO TEMÁTICA
ARTE, CULTURAS E LITERATURAS NA LUSOFONIA


DANTE MILANO E O IMAGINÁRIO DO MAL
NO MODERNISMO BRASILEIRO

Autor: Alexandre Fernandes Corrêa
Doutor em Ciências Sociais: Antropologia – PUC/SP
Pós-Doutorado: Antropologia – IFCS/UFRJ/CNPq
Professor Associado Antropologia – UFMA
e-mail: alexcorrea@antropologia.com.br

Resumo
Este artigo analisa aspectos históricos e biográficos vinculados ao tombamento da Coleção Museu de Magia Negra do Museu da Polícia Civil do Rio de Janeiro em 1938, destacando especialmente a obra do poeta modernista Dante Milano. Trata-se de uma reflexão sobre o estatuto museológico da magia, bruxaria e feitiçaria no pensamento social brasileiro do início do século XX.

Palavras-chave
Patrimônio Cultural. Museologia. Literatura. Memória Social

Abstract
This paper analyzes historical and biographical aspects connected to the cultural inherance.of the Black Magic Collection Museum of the Rio de Janeiro in the Brazilian cultural patrimony in 1938. It focuses the poetics works of the Dante Milano, especially. It deals with a reflection about the museologic statute of the black magic and witchcraft in the Brazilian social thought in the last century.

Keys-words
Cultural Inherance. Museology. Literature. Social Memory

Resumé
Cet article analyse des aspects historiques et biographiques liés à la chute de la Collection Musée de Magie Noire du Musée de la Police Civile de Rio de Janeiro en 1938, en détachant spécialement l'oeuvre du poète moderniste Dante Milano. Il s'agit d'une réflexion sur le statut muséologique de la magie et de la sorcellerie dans la pensée sociale brésilienne du début du siècle XX.

Mots-clef
Patrimoine Culturel – Museologie – Littérature – Mémoire Sociale

Sem comentários: