26 março 2009

Vilém Flusser


Vilém Flusser, judeu nascido em Praga em 1920, estudou filosofia, sem concluir o curso, devido à sua migração após a invasão alemã em Praga no ano de 1939. Veio para o Brasil em 1940. Nos primeiros vinte anos dedicou-se principalmente a atividades empresariais, mas como era autodidata e exímio conhecedor de línguas, estudou sozinho no período. Entre 1958/59 decidiu abandonar as atividades comerciais e se engajar na comunidade filosófica brasileira através dos membros do IBF, apesar de discordar de como era feita a filosofia no Brasil. Tornou-se professor convidado da Escola Politécnica da USP, lecionando a disciplina de Filosofia da Ciência, e um dos fundadores do curso de Comunicação Social da FAAP. Foi membro do IBF e colaborador regular da Revista Brasileira de Filosofia, do Suplemento Literário do jornal O Estado de São Paulo, de uma coluna diária chamada Posto Zero no jornal Folha de São Paulo, e da Frankfurter Allgemeine Zeitung (principalmente durante o tempo em que morou no Brasil, sendo que, já nessa época, escrevia também para outras publicações, mas não com a regularidade das citadas acima). Em 1972 mudou-se para a Europa, morando em muitos lugares até se estabelecer em Robion, na França, onde permaneceu até a sua morte em 1992. Durante esse período Flusser foi reconhecido pela comunidade intelectual sendo constantemente convidado para ministrar palestras e participar de congressos.

Visite os portais:
http://br.geocities.com/vilemflusser_bodenlos/
http://pt.wikipedia.org/wiki/Vil%C3%A9m_Flusser
http://www.fotoplus.com/flusser/

Sem comentários: